07/03/18 | 16:27
Prefeitura atua para conter erosões em áreas de risco

O prefeito em exercício e secretário municipal de Infraestrutura (Seminf), Marcos Rotta, foi até o bairro Vale do Sinai, na zona Norte da capital, para acompanhar os trabalhos de recuperação de uma grande erosão, que ameaça moradores do local, na manhã desta quarta-feira, 7/3.

As obras são resultado da solicitação da comunidade, devido o agravamento do problema durante o período chuvoso. A erosão é motivada pelo escoamento das águas pluviais, vindas do bairro Renato Souza Pinto, parte mais alta da região.

Segundo o prefeito em exercício, a Seminf irá atuar de forma emergencial para resolver o problema e evitar que as casas próximas ao barranco tenham sua estrutura afetada. A previsão é de que em até 90 dias todo o serviço de recuperação esteja concluído.

“Essa é uma demonstração do efeito devastador das chuvas em Manaus, que agrava a situação das pessoas que habitam em áreas de risco na cidade. Vamos fazer uma grande contenção e o serviço de drenagem para recuperar o local e dar segurança aos moradores da área”, explicou Rotta.

No local, a Seminf iniciou a construção de 380 metros de drenagem profunda que irá diminuir o impacto das águas pluviais e solucionar o problema. Tanto a Defesa Civil Municipal quanto a Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh), fazem o acompanhamento das famílias e algumas já foram incluídas no aluguel social, após laudo apontar risco iminente nas habitações.

 

Nova contenção

Acompanhado da equipe técnica da Seminf, o prefeito em exercício também foi ver de perto outro problema de erosão que afeta a rua 8, do conjunto Vila Real, na Cidade Nova, também na zona Norte. No local, é necessária uma ação imediata para evitar maiores problemas aos moradores do conjunto.

Rotta determinou que seja realizado, imediatamente, o levantamento topográfico da área e se defina o plano de ação que deve iniciar já na próxima segunda-feira, 12. O prefeito em exercício também averiguou situação de uma casa com a estrutura comprometida, por conta do risco que apresenta o barranco.

“Aqui também vamos iniciar uma obra em caráter emergencial. Sempre respeitando os padrões técnicos e de qualidade que o prefeito Arthur Virgílio Neto nos orienta e determina. Se as chuvas permitirem, na próxima semana iniciamos esse trabalho complexo, via administração direta, colocando grande parte do nosso efetivo”, finalizou.

Texto: Ulysses Marcondes / Semcom

Fotos: Alex Pazuello / Semcom